Empresa alemã de biogás se instala no Biopark

O Biopark – Parque Científico e Tecnológico de Biociências assinou o contrato de instalação de sua primeira empresa internacional: a alemã MELE. Com mais de 29 anos de experiência no planejamento e construção de usinas energéticas, a MELE auxilia no desenvolvimento de energias limpas, totalmente benéficas ao meio ambiente.

Com atuação no Brasil desde 2016, a empresa é uma fornecedora completa na área de biogás e em soluções para transformação de biomassa em energia ecológica. A produção de energia renovável vem sendo discutida amplamente, seja por ser uma alternativa a outras fontes de energia, como a elétrica, ou pela contribuição ambiental. A produção de energia através do biogás é feita pelo processo de biodigestão anaeróbica de resíduos orgânicos, como por exemplo, dejetos de animais, resíduos das agroindústrias ou até mesmo resíduos sólidos urbanos.

A MELE atua em todas as etapas do processo, ou seja, no planejamento, desenvolvimento, treinamento e gerenciamento de operações. Hoje está presente mundialmente empregando mais de 550 pessoas e registra um volume de negócios de mais de 60 milhões de Euros por ano.

A sinergia do Biopark e seu ambiente propício à inovação foram os motivos que despertaram a atenção e levaram a MELE a estabelecer-se no local. “As possibilidades de negócios no Brasil e principalmente na região Oeste do Paraná chamam a atenção por inúmeras qualidades e capacidades, entre elas, o crescimento e desenvolvimento da agroindústria. Com o Biopark criamos uma ótima sinergia, tanto com seus representantes, como pelo o ambiente ofertado, desde infraestrutura, cultura de inovação, tecnologia e apoio a empresas que desejam se instalar na região”, afirma Felipe Kensy, Gerente de Vendas Brasil. 

Para Paulo Victor Almeida, Gerente de Marketing e Negócios do Biopark, a instalação da MELE está aderente também com os princípios de sustentabilidade defendidos pelo Parque. “Acreditamos na inovação aplicada a atividades que poluem menos e oferecem alternativas sustentáveis para problemas, como é o caso da destinação de dejetos de animais”, declara.

Estrutura

No Biopark a empresa instalará um escritório para atendimento ao público e showroom de componentes utilizados em suas indústrias. Futuramente, a ideia é ofertar cursos e ter um laboratório para realização de testes voltados ao biogás e substratos, o que contribuirá para o aprimoramento e a garantia da qualidade dos serviços.

“O Grupo MELE também possui expertise na formação de especialistas em usinas energéticas, a intenção é construirmos uma parceria para realização de cursos na área do biogás. A nossa expectativa é ajudar a desenvolver ainda mais o setor de produção de energias a partir do biogás e colaborar com a preservação do meio ambiente sem que o crescimento da produção seja interrompido”, finaliza Felipe.

Galeria

image
Envie-nos uma mensagem
Faça Parte ou entre em contato